Aguarde...

{{var product.name}}

Adicionado ao carrinho com sucesso

Finalizar Pedido

Ir para o carrinho
Continuar comprando
Continuar comprando
Ir para o carrinho

Carrinho de Compras


Filtros

Vinho


Filtros

Categoria
País
Tamanho da Garrafa
Tipo de Vinho
Preço
Uva

VINHO

Vinho

O vinho é o produto da fermentação do sumo da uva. O vinho possui uma longa história que remonta, pelo menos, a aproximadamente 6000 a. C., pensando-se que tenha tido origem nos atuais territórios da Geórgia, Turquia e Irã.

O deus grego Dioniso e o deus romano Baco representavam o vinho, e ainda hoje o vinho tem um papel central em cerimônias religiosas cristãs e judaicas.

Hoje, você encontra no mercado:

  • Vinho tinto: que podem ser produzidos a partir de diversas uvas, sendo as mais famosas: cabernet sauvignon, carmenerè, syrah, tempranilho, merlot e pinot noir. Os frisantes vêm com adição natural ou artificial de gás-carbônico.
  • Vinho Branco: assim como os tintos podem ser feitos de diferentes uvas, como sauvignon blanc, pinot grigio e chardonnay. Você também pode achar a versão frisante.
  • Vinho rosé: as uvas mais usadas para a fabricação deste tipo de vinho são: cabernet sauvignon, chardonay, grenache, merlot e pinot noir. Aqui também se encontra a versão frisante.
  • Harvest late: branco ou tinto, é um vinho feito com uvas de colheitas tardias, que são muito mais adocicadas. São vinhos de sobremesa.

Além destas divisões básicas, existem alguns outros famosos vinhos, como o do Porto. Originário da cidade do Porto, em Portugal, este tinto é considerado também um vinho de sobremesa. Suas características são mais marcantes é o sabor é mais adocicado.

Já o vinho verde recebe este nome devido ao local onde ele é produzido: no noroeste de Portugal. Como essa região é bastante úmida e banhada pelos rios Minho e Douro, é uma região de muito verde. E existe vinho verde branco, rosado e tinto.

 

Benefícios:

O vinho faz bem para a saúde do coração, pois reduz o risco de doenças cardíacas em aproximadamente 20%. Isso porque o álcool desenvolvido por ele reduz a formação de placas de entupimento das artérias, aumenta o colesterol bom, diminui a inflamação, e inibe a coagulação do sangue o que diminui o risco de aterosclerose.

Os polifenóis presentes no vinho tinto também agem inibindo a formação de placas de gordura e têm um efeito benéfico sobre o açúcar no sangue, ajudando a evitar diabetes.

Outro benefício, apontado por estudos, é que o consumo moderado de vinho tinto previne significativamente a deterioração da memória e o desenvolvimento de alterações no cérebro, como o Alzheimer.

 

Indicação de consumo:

Para manter uma vida saudável, a indicação médica é de consumir uma taça de vinho por dia.

 

Curiosidades

É conhecido como enólogo o especialista em vinhos. Quem estuda sua produção a fundo. Já o sommelier é que aquele sabe fazer as melhores harmonizações e ajuda o cliente a eleger a melhor opção para cada situação na hora da compra.